30 de nov de 2008

Um momento de arte

Artes


A Vênus de Milo é uma famosa estátua grega. Ela representa a deusa grega Afrodite, do amor sexual e beleza física, tendo ficado no entanto mais conhecida pelo seu nome romano, Vénus. É uma escultura em mármore com 203 cm de altura, que data de cerca de 130 a.C., e que se pensa ser obra de Alexandros de Antióquia.

Em 1820 a escultura foi encontrada na ilha de Milo, no Mar Egeu, por um camponês chamado Yorgos Kentrotas. Poucos dias depois o camponês encontrou-se com oficiais franceses, Jules Dumont d'Urville e Matterer, que estavam explorando a ilha, e ofereceu a escultura por baixo preço. A Vênus estava quebrada ao meio, mas ainda possuía os braços. As mãos, danificadas, também estavam separadas do corpo. Fazia parte da obra ainda um plinto com inscrições. Identificando a escultura como a Vênus vencedora do concurso de beleza julgado por Páris, e reconhecendo sua importância como obra-prima, d'Urville desejou levá-la imediatamente para seu navio, mas seu capitão, alegando falta de espaço a bordo, recusou-se a atendê-lo.

Chegando em Constantinopla, d'Urville descreveu o achado ao embaixador francês, o Marquês de Rivière, que enviou um representante para comprá-la para a França. Neste ínterim, o camponês Yorgos achou que os franceses tardavam demais, e pressionado por um sacerdote local, ofereceu a peça para ele. Quando a escultura estava sendo embarcada para a Turquia, onde seria oferecida a um tradutor da corte de Constantinopla, os franceses chegaram, e persuadiram os locais para que mantivessem o acordo de compra anterior. Durante sua transferência para o barco a escultura foi arrastada através de pedras e danificou-se, perdendo o que restava dos braços, e os marinheiros se recusaram a voltar atrás para recuperá-los.

Chegando por fim a Paris, a estátua foi remontada, mas os fragmentos remanescentes dos braços e das mãos, considerados restaurações posteriores por causa de seu acabamento inferior, foram descartados. Contudo hoje se sabe que as estátuas gregas muitas vezes não recebiam acabamento por igual em todas as partes, e um polimento mais fino era reservado às partes que ficavam mais visíveis.

A obra havia sido anunciada na França como sendo de Praxiteles, um dos grandes criadores do classicismo grego, e o plinto com as inscrições de início foi considerado parte integral do conjunto. Mas depois de ser traduzido e datado, revelou a autoria de Alexandros de Antióquia, causando embaraço aos peritos que a haviam atribuído a Praxiteles, os quais imediatamente passaram a considerá-lo também um acréscimo posterior. O plinto misteriosamente desapareceu pouco antes de a estátua ser oferecida ao rei Luís XVIII da França, em 1821, sobrevivendo apenas em uma descrição e em dois desenhos da época, que permitiram a atribuição correta atual. O rei eventualmente presenteou-a ao museu do Louvre em Paris, onde está agora.

O que eu ia colocar ficou no PC da empresa, então só vai rolar amanhã!

26 de nov de 2008

Nada melhor do que uma risada.

Quadrinhos


Gente, lembrei desses caras e bateu maior saudade.


Para quem não conhece do que se trata, leia abaixo. E se ficarem interessados, procurem na Internet. É muito divertido.


Los Três Amigos é o nome de um trio formado por personagens fictícios brasileiros de quadrinhos underground ou "adultos". Eles foram publicados pela primeira vez pelo suplemento FolhaTeen de 16 de dezembro de 1991. De uma idéia do cartunista Angeli que, depois de assistir a uma comédia de cinema de John Landis, resolveu fazer uma capa para a revista Chiclete com Banana (de sua autoria e que estava fazendo aniversário), com mais dois amigos de profissão vestidos de mexicanos. As histórias com os personagem, que se seguiram, foram criadas, além de Angeli, por Glauco e Laerte, os tais amigos.
Os personagens são na, verdade, caricaturas dos próprios autores. Los Três Amigos são Angel Villa, Laerton e Glauquito. Em 1994 foi introduzido um quarto amigo, baseado no também cartunista Adão Iturrusgarai (criador de Rock & Hudson, os cowboys gays), grande colaborador das histórias. Seus inimigos mortais são os Miguelitos, inúmeros garotos de "sombrero", que só fazem "infernizar" a vida de Los Amigos. Outro personagem com quem se defrontam com frequência é Leon e seu "membro masculino" gigantesco.
Geralmente as histórias do trio (ou quarteto) são ambientadas no Velho México (ou Viejo México, versão decadente, miserável e amoral do Velho Oeste estadunidense, que também não era muito saudável), em lugarejos pertencentes a Gran Marisales ou Gran El Piso, dependendo da história, e Deserto de Plegas Ardientes. Os quadrinhos fazem piada de todo tema underground: violência, sexo, drogas e perversões. Mas também satirizam a política e a realidade social do país, tradicional no trabalho dos cartunistas publicado na imprensa.
O filme que inspirou a idéia de Angeli é "Three Amigos!" (1986), estrelado por Steve Martin, Chevy Chase e Martin Short, dirigidos por John Landis.


Rom caçando mais e mais tirinhas desses loucos.

25 de nov de 2008

Decifra-me ou Te Devoro!!

Brincadeira




A Esfinge olha para o caro visitante e pergunta: Que animal tem 4 patas de manhã; 2 de tarde e 3 de noite?
Decifra-me ou te devoro.

24 de nov de 2008

Teatro a Preço de Banana.

Domínio Público

Todos sabem da falta de comprometimento do nosso governo com a Cultura de nosso país. Assim como sabemos que grande parte da falta de interesse da população pela cultura se deve a ensino em redes que não incentivam a praticas como essas.

Se deixarmos de lado essas questões, vamos empacar como mulas esbarrar nos preços exorbitantes das apresentações, que faz com que muitas pessoas deixem de aproveitar peças maravilhosas.

E foi com intenção de mudar esse quadro que a Associação de Produtores de Teatro do Rio de Janeiro (APTRJ) e com o patrocínio da Oi, que foi criado o Projeto Teatro Para Todos.

Sua 6ª campanha acontece de 21 de novembro a 21 de dezembro de 2008.
Estarão sendo vendidos 6900 ingressos, totalizando 44 espetáculos, entre adultos e crianças. E o melhor é que grande sucessos da temporada estarão com seus preços de R$5,00 a R$25,00.

Para a compra dos ingressos, os interessados deverão adquiri-los nos postos de vendas, tais como o quiosque instalado na Cinelândia, no quiosque volante, que irá percorrer diversos bairros da cidade, pelo site (www.ingresso.com), Modern Sound, postos Petrobrás credenciados, Posto Shell (São Bento, Niterói) e Lojas Americanas e Americanas Express.

Segue a lista dos espetáculos, mas não tenho como colocar a data nem o valor, até porque se o fizesse esse post ficaria ainda mais do que o normal.

ADULTO

§ A arte de escutar
§ A noviça rebelde
§ A vigilante - uma comédia de peso
§ Às favas com os escrúpulos
§ Beatles num céu de diamantes
§ Cabaré da RRRraça
§ Cazuza - jogado a teus pés
§ Clandestinos
§ Comédia em pé
§ De mim que tanto falam
§ Determinadas pessoas - Weigel
§ 2 p/ viagem
§ Enfim, nós
§ Ensina-me a viver
§ Farsa
§ Francisco Alves - o rei da voz
§ Os homens querem casar e as mulheres querem sexo
§ Inquieto coração
§ Inveja dos anjos
§ Inventário
§ Minha mãe é uma peça
§ Monstra
§ Mulheres de Machado
§ Ó pai ó
§ Opereta carioca
§ Os difamantes
§ Pássaro da noite
§ Quartett
§ Retratos de uma bossa
§ Riso solto - a comédia
§ 7, o musical
§ Soh
§ Sonho de uma noite de verão
§ Terapia do riso
§ Traição
§ Um certo Van Gogh


Estou pensando em ir assistir Comedia em Pé e Sonho de Uma Noite de Verão. Alguém me acompanha?

23 de nov de 2008

O numero pentelho.

Filmes

Hoje de manhã ao acordar, às 08:15h, decidi assistir ao filme “Número 23” e algumas coisas me fizeram gostar muito desse filme.

Uma delas é o fato de ser um filme serio com um dos atores mais engraçado que eu já vi, Jim Carrey.

O filme é cabeça e se você der mole vai acabando entrando na paranóia tema do filme e é uma boa pedida para quem está acostumado apenas a assistir ao Jim Carrey fazendo bobeiras. Mas ainda quero ver outros filmes cabeça do Jim.

Bem acho que é apenas isso por hoje, dia 23.

21 de nov de 2008

Comendo Gato por Lebre e Arte Plásticas.

Espetacular
Jovem descobre que namorada grávida era travesti

COCAL DO SUL - O amor algumas vezes realmente é cego, mudo e sem tato. Um jovem de 19 anos se apaixonou por uma mulher, ela engravidou e o casal foi morar junto, em Cocal do Sul. Tudo como manda o figurino, isso se seis meses depois ele não descobrisse que ela não poderia engravidar, não tinha nem mesmo os órgãos sexuais femininos e, na verdade, era um travesti. Com a revelação, na última quinta-feira, ele teve que ser hospitalizado.

O rapaz a conheceu em um bailão há cerca de seis meses e foi amor à primeira vista. Os dois apaixonados mantiveram relações sexuais e, no fim da "festa", se despediram. Um mês depois, a jovem bateu na porta da família do ficante e pediu abrigo: ela estava grávida do jovem de 19 anos.

A sogra adorou a surpresa e prontamente aceitou a nora de braços abertos. O futuro papai também ficou feliz com a novidade. A barriga começou a crescer e os dois viveram alguns meses em perfeita harmonia, até que a relação começou a passar por algumas crises amorosas.

Entre uma discussão e outra, a mulher apanhou e, acompanhada da sogra, foi até a delegacia de Cocal do Sul para registrar um Boletim de Ocorrência, na quinta-feira. No local, deu o nome de Bruna de Souza. Rapidamente, o sistema informou erro, não havia ninguém com este nome. "Começamos a suspeitar de algo errado. Mesmo apresentando uma gravidez aparente, pensamos se tratar de alguém que havia fugido de casa ou que estivesse com mandado de prisão em aberto. Passamos a investigar quem realmente era aquela moça", informa o Policial Evandro Carlos Rodrigues.

Para a surpresa dos investigadores e mais ainda da família que abriu as portas para a Bruna, a moça era um homem, está com 19 anos e é natural de Gravatal. O susto foi tão grande que o companheiro teve que ser internado às pressas no hospital do município: ele teve um mal súbito com a notícia de que a mulher era marido.

O jovem não entendeu nada porque o casal mantinha relações sexuais e ele não havia percebido que a moça tinha órgãos masculino. "O rapaz contou que sempre que se relacionavam, ela apagava a luz e comandava as ações. Em todos estes meses, ela não havia permitido que o companheiro tocasse as suas partes íntimas e, por isso, ele não percebeu nada", explica o policial.

Já sobre a gravidez de Bruna, era apenas uma reação psicológica. Ela creditava tanto que estava grávida, que o corpo passou a desenvolver a barriga. "O travesti aparentemente era uma mulher, enganava bem e não tinha os traços masculinos", acrescenta Evandro.

O caso foi encerrado e o casal, a princípio, iria se separar.


..

Desculpe, mas não dá para acreditar nessa situação em que informa que o jovem não sabia de nada. Pois eu nunca vi em lugar algum uma pessoa que não soubesse reconhecer um travesti.. na cama!!

É muito amor mesmo. Ou é amor.. ou o cara estava cortando para o outro lado e quando descobriram ele teve um acesso.. bem.. deixa quieto.

..
Artes Plásticas
René Magritte

Não poderia esquecer de mencionar que hoje é o 110º aniversario de René Magritte, um dos meus artistas prediletos.
René François Ghislain Magritte (Lessines, 21 de Novembro de 1898 - Bruxelas, 15 de Agosto de 1967) foi um dos principais artistas surrealistas belgas, ao lado de Paul Delvaux.

Pintor de imagens insólitas, às quais deu tratamento rigorosamente realista, ultilizou-se de processos ilusionistas, sempre à procura do contraste entre o tratamento realista dos objetos e a atmosfera irreal dos conjuntos.

Suas obras são metáforas que se apresentam como representações realistas, através da justaposição de objetos comuns, e símbolos recorrentes em sua obra, tais como o torso feminino, o chapéu côco, o castelo, a rocha e a janela, entre outros mais, porém de um modo impossível de ser encontrado na vida real.

O que vai ter de gente NÃO entendendo nada vai dar uma fila maior do que a do INSS.

19 de nov de 2008

Loucos e Santos

Escolho meus amigos não pela pele ou outro arquétipo qualquer, mas pela pupila.
Tem que ter brilho questionador e tonalidade inquietante.
A mim não interessam os bons de espírito nem os maus de hábitos.
Fico com aqueles que fazem de mim louco e santo.
Deles não quero resposta, quero meu avesso.
Que me tragam dúvidas e angústias e agüentem o que há de pior em mim.
Para isso, só sendo louco.
Quero os santos, para que não duvidem das diferenças e peçam perdão pelas injustiças.
Escolho meus amigos pela alma lavada e pela cara exposta.
Não quero só o ombro e o colo, quero também sua maior alegria.
Amigo que não ri junto, não sabe sofrer junto.
Meus amigos são todos assim: metade bobeira, metade seriedade.
Não quero risos previsíveis, nem choros piedosos.
Quero amigos sérios, daqueles que fazem da realidade sua fonte de aprendizagem, mas lutam para que a fantasia não desapareça.
Não quero amigos adultos, nem chatos.
Quero-os metade infância e outra metade velhice!
Crianças, para que não esqueçam o valor do vento no rosto; e velhos, para que nunca tenham pressa.
Tenho amigos para saber quem eu sou.
Pois os vendo loucos e santos, bobos e sérios, crianças e velhos, nunca me esquecerei de que "normalidade" é uma ilusão imbecil e estéril.

Oscar Wilde

..

É assim que vejo a vida e quero continuar vivendo.

Mas a verdade é que com o passar do tempo, vamos criando uma casca que nos impede de sermos crianças.
Não no sentido de sermos imaturos, mas no sentido de curtirmos as coisas boas da vida, sem a preocupação com o amanhã.

Ao termino dessa leitura, pare e reflita.

Quando foi a ultima vez que você se reuniu aos seus amigos de verdade, aqueles que se preocupam em ligar quando você “some” por muito tempo; aquele que lembra do seu aniversario, mesmo quando você não lembra o dele; aquele que te ligou as tantas da madrugada para chorar a mágoa de um relacionamento recém-acabado?
Se você não consegue se lembrar, pense que você pode estar perdendo um tempo precioso de estar com alguém que realmente te ama de forma simples e despreocupada.

Amigos são integrantes de uma família que você escolheu ter.


Rom lembra de alguns amigos que há tempos não vê.

..

Um grande abraço para toda a lista de divulgação do meu blog.
E um grande abraço a todos aqueles que passarem por aqui. Vocês são importantes para mim.

18 de nov de 2008

Novidades

Psicologia

Após carros BICOMBUSTIVEIS e TOTAL FLEX, temos uma novidade, por assim dizer.

Brincadeiras a parte, uma nova tendência tem se apresentado a nós e por conta disso que segue a reportagem.

..

Sexualidade flex

Surge um novo tipo de heterossexual, os heteroflexíveis: pessoas que beijam e até transam com outras do mesmo sexo de vez em quando, mais por curiosidade do que por prazer, mas não se consideram homo, nem bissexuais.

A primeira vez de Carla* foi aos 16 anos. Estimulada por um ex-namorado durante uma festa, ela beijou a melhor amiga na boca. E não foi apenas um selinho. Foi um beijo de verdade, com direito a língua e tudo. Hoje, aos 24, ela continua beijando meninas. Para ela, é saudável e divertido. E nem por isso se considera homo ou bissexual. Carla se diz hétero. Ou, melhor, heteroflexível. O termo caracteriza pessoas que se definem como heterossexuais, mas que ficam com outras do mesmo sexo.

O fenômeno é mais comum entre as mulheres e não está restrito ao Brasil. Uma pesquisa realizada recentemente nos Estados Unidos, pelo Centro Nacional de Estatísticas em Saúde, mostra que 15% das universitárias, entre 19 e 24 anos, já tiveram relação homossexual. Mas a maioria delas não se declara gay ou bissexual. Famosas héteros como Kate Moss, Sharon Stone, Pink e Madonna - que já foram fotografadas beijando outras mulheres - também contribuem para uma melhor aceitação da heteroflexibilidade entre as meninas, que até têm um hino. No hit "I Kissed a Girl" (eu beijei uma menina), a cantora norte-americana Katy Perry fala sobre a experiência de beijar outra garota na boca, mesmo tendo um namorado.

Por mais complicado e estranho que pareça, existem mesmo diferenças entre a heteroflexibilidade e a bissexualidade, dizem os especialistas. "Beijar uma pessoa do mesmo sexo não significa que a menina ou o menino seja gay ou bissexual. O beijo é uma forma de expressão e pode ter vários significados, entre eles o de carinho, e não de atração carnal", diz o médico e sexólogo Amaury Mendes Júnior, coordenador de pós-graduação da Clínica Delphi, no Rio de Janeiro. Enquanto héteros, bi e homossexuais já sabem exatamente o que querem, o heteroflexível ainda está em uma fase de experimentação, segundo a psicoterapeuta e sexóloga Mara Pusch, da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp). "Para o bissexual não importa se o companheiro é um homem ou uma mulher para ter pleno prazer. O flexível não tem esse mesmo prazer. Ele quer experimentar, conhecer. Ele não se sente atraído sempre por alguém do mesmo sexo, mas apenas naquele exato momento", diz a sexóloga.

E justamente por estar relacionada à fase de descobertas, a heteroflexibilidade é mais comum entre os jovens. "Ela pega a faixa da adolescência até os 20 e poucos anos, mas não é uma regra fechada. Também existem adultos flexíveis", diz Mara, que ressalta que as meninas são mais abertas à prática. "A sociedade aceita melhor duas mulheres se beijando do que dois homens, e o menino ainda tem aquele estigma de machão, de não querer levar fama de bicha. Sem contar que existe toda a fantasia de duas mulheres juntas. As meninas que se beijam atraem mais meninos", diz a sexóloga.


Apesar de mais comum, a prática flex não fica necessariamente apenas no beijo. "Já fui além do beijo com outras meninas, foi bom, mas não passa disso. Não me sinto totalmente atraída e não namoraria outra mulher", conta Carla. Já para Patrícia*, de 33 anos, ir além foi o que a fez se tornar uma ex-heteroflexível convicta. "Deixei de ficar com mulheres quando fui parar na casa de uma lésbica e rolou um monte de coisa esquisita que para ela era sexo", diz.

A fase flex de Patrícia começou por curiosidade e questionamentos e durou dos 19 aos 26 anos. "Tinha curiosidade em saber se poderia gostar e questionava muita coisa por achar que tudo era convencionado pela sociedade. 'Por que não beijar mulher? É só uma manifestação de carinho', pensava. Era uma coisa entre amigos, uma celebração da liberdade", explica. Mas ela ressalta que nunca sentiu atração de verdade por uma mulher. "Só admiração como pessoa mesmo. Sentia prazer somente no exibicionismo." Hoje, Patrícia é casada e mãe de um menino de dois anos.

Segundo a sexóloga Mara Pusch, a heteroflexibilidade sempre existiu, mas agora está mais evidente. "Isso acontece porque há um número maior de locais que proporcionam isso. Já não precisa ser tão camuflado", diz. A prática também pode ser um primeiro passo para a pessoa se aceitar melhor. "Depois das experiências, ela pode se descobrir homo ou bi e se aceitar do jeito que é", finaliza o sexólogo Amaury Mendes Júnior.

Nomes marcados com (*) são apenas fictícios, afim de manter a integridade dos mesmos.

..

Agora esperamos apenas que as pessoas esqueçam seus tabus e aprendam que cada pessoa tem a sua individualidade e que a mesma tem que ser preservada.

17 de nov de 2008

Ação e Reação Orgânica

Curiosidades


Sabe aqueles momentos em que o que você mais gostaria na sua vida é dar um berro?
Existe sensação mais maravilhosa do que dançar na chuva (por mais que possa ficar resfriado com isso)?
Existe sensação mais gostosa do que sentir o vento no rosto em um quente dia de verão?
E a sensação gostosa de reencontrar aquele velho amigo que há tempos não via?

Sensações. Seja pela pele, seja pelo coração.

A vida do homem (estou generalizando, entre homens e mulheres) é movida por essas situações.

Quem nunca olhou para o pôr-do-sol em uma tarde de verão e não sentiu seu coração bater mais forte?
E aquele friozinho na barriga quando está para sair com aquela pessoa a qual você nutre um sentimento secreto?

Pois isso é nada mais, nada menos do que anos de evolução.

O nosso organismo trabalhou nesses últimos milhões de anos para transformar o homem em uma “máquina” de emoções.
Tanto que existem “zilhões” de sentimentos possíveis que o nosso cérebro pode configurar e transmitir para o corpo. E para cada um deles existe uma resposta especializada a ser determinada pelo cérebro humano.

..

Por que, quando levamos aquele puta susto, corremos como um louco antes de parar e ver que era um conhecido seu? Sabe por que acontece isso?

Porque no momento em que alguém leva um susto, a primeira reação do corpo é mandar o sinal de alerta para o cérebro, antes da imagem do que está acontecendo. Como o cérebro recebe as informações e as analisa, o primeiro sinal que ele envia para o corpo é “corra”, enquanto aumenta a taxa de adrenalina no sangue; para posteriormente analisar as informações do sinal agressor.

Isso ocorre porque uma das funções principais do cérebro é auxiliar no zelo da manutenção de vida.

..

Quando você vê uma imagem que te emociona, por que nosso coração dispara?
Porque na maioria das vezes isso vai ser ligado a algum acontecimento especial na nossa vida e como tudo, isso vai disparar a sensibilidade do cérebro que liberará endorfinas e adrenalina para o sangue.


..

Em suma, somos uma bomba de sensações guiadas pelo cérebro, pronto a explodir, por assim dizer.

Para endossar a minha afirmação, basta você verificar as fases de explosão de emoções que acontecem na vida das pessoas.

Raiva, ira, ódio, amor, tristeza, saudade, nostalgia, paixão, agitação.
Todos esses são fruto de uma serie de sentidos; ações e reações.

O nosso organismo é tão especializado que no momento em que existe a necessidade perene de uma ação mais drástica, seja para salvar a própria pele vida ou a vida de outrem, somos capazes de feito nunca imaginados. Nem mesmo por nós.

Votem na Enquete, por favor

16 de nov de 2008

Totó.. HUMANO????

Quem nunca brincou de Totó? Ou Pebolim, como os paulistas chamam o futebol de mesa. Sabe aqueles onde tem um monte de bonequinho feito de ferro e uma bolinha rolando pelo “campo”.

 

Com certeza isso fez muito diferença na minha vida adolescente. Eu adorava o intervalo das aulas para isso.

Passava os 20 minutos de intervalo jogando Totó e voltava para a sala suado e cheio de fome, sem falar nas fugas durante a aula de uma matéria chata com a desculpa que ia no banheiro e dar uma corrida na cantina matar quem me matava fazer um lanche.

 

Lembro até hoje das jogadas combinadas e ensaiadas previamente. Os campeonatos de Totó.

 

A verdade é que nostalgias daqueles dias ainda me assolam.

Mas não vim falar sobre a saudade que eu sinto do meu ensino médio.

 

Sabe, daquele momento na nossa vida em que não tínhamos preocupação maior do que sobre qual filme que ia estrear nos cinemas e quando iríamos ver.

 

Vim falar da nova “LOUCURA” (uma divertida loucura) que surgiu na Terra da Garoa.

 

Eles inventaram o Pebolim Humano.

Deve ser muuuito louco. Ainda mais que eles amarram os braços dos participantes e eles só podem se mexer para os lados.

 

Deve ser divertido!!

Quero ir a Sao Paulo brincar nisso!!

14 de nov de 2008

Desabafo 1.0

Finalmente, é chegado o final de semana. Descanso merecido.

GRAÇAS A DEUS!

Oh.. semanazinha infeliz de cansativa.
Começa a segunda num stress do cão.

Na faculdade, vários trabalhos.
E se você pensa que é daqueles trabalhinhos que em menos de 10 minutos a gente faz; pode ir tirando seu cavalinho da chuva porque caso contrário, ele vai se molhar.

Entregar 3 trabalhos e apresentar 4 trabalhos.

Tem algo de errado nisso? Na verdade, não.
Um dos trabalhos tinha sido entregue na semana passada, mas o professor tinha marcado a apresentação para essa semana.

Ou seja, desespero total e acordado na frente do PC (sem ser para diversão) até altas horas (fala, garoto!) para tentar colocar os trabalhos em dia.

Quase não tive tempo para curtir ou descansar essa semana.

Mas espero que o final de semana possa compensar o cansaço.


Apesar de ter trabalho para entregar/apresentar na segunda.
[Rom bate com cabeça na mesa!!]


...

Bem, com a proximidade do aniversario do nerd que vos fala, começa o stress lá em casa.
Meus pais querendo saber o que vou querer almoçar no dia não sei para que se no fim das contas vai ser feito apenas aquilo que a minha mãe quiser fazer na cozinha e dizendo que é para mim, se vai rolar bolo, entre outras coisas.

Quer ver um presente ideal para o próximo dia 20? Vê se é pedir muito.
Uma garrafa de alguma bebida alcoólica (nem sou tão exigente, pode ser rum, vodka, conhaque ou vinho), um cachimbo, a minha namorada e um lugar sossegado.

É muita coisa? Acho que não!

A verdade é que eu não estou muito animado para nada.

Crise dos 30, já? Não. Acho que é apenas o Inferno Astral se apoderando da minha pessoa.
[Subconsciente do Rom]: Sabe como eu sei que você é gay?
[Romulo A. Baptista]: Duh!!


...

Sei que é um pé-no-saco entrar num blog esperando ver algo de interessante e acabar lendo o desabafo do dono do intragável blog.
Mas algumas coisas me irritam profundamente (ou começaram a irritar).

E uma delas é a tachação que as pessoas fazem de outras.
Não vou negar que sacaneio meus amigos. Sou um sacana, eu sei.
Se algum dos meus amigos dá um mole, vou ser o primeiro a sacanea-lo.

Mas eu não saio fuçando o Orkut das pessoas para ficar gastando as fotos que eles colocam, bem como não fico tachando-os de serem gays ou coisa que valha.
Acho que fotos são coisas tão pessoais que não deveriam ser tachadas.
E isso realmente me deixa muito chateado.

Mas vocês acham que isso vai ser motivo para que eu pare de tirar as fotos da forma que eu gosto? Podem acreditar que não e sabe o porquê?
Porque tem um belo “ditado” que diz: Não paga a minha conta, não banca as minhas compras e não está me pegando?
ENTÃO VAI ARRANJAR ALGUMA COISA PARA FAZER AO INVES DE FICAR ME TORRANDO O SACO!!

Não tenho que dar satisfação da minha vida para ninguém. Meus amigos são pessoas que eu tenho na mais alta estima, mas não me venha sacanear sobre as minhas coisas pessoais.
Não invado o Orkut e de ninguém, vou até as suas fotos e deixo como recado: Hum.. nossa.. que biboca!!

As pessoas com a qual eu brinco, são pessoas que me permitem ter algum tipo de intimidade nas brincadeiras.
Sabe aquele jargão: Perco o amigo, mas não perco a piada?

Eu uso: Foda-se a piada! Amizade é importante para mim!

Sim.. ando meio revoltado com a vida!!

13 de nov de 2008

Dando um rolé pelo mundo.

Aleatoriedades


Estava vendo outro dia na TV o filme "O Diabo Veste Prada", que nada mais é do que um CinePipoca envolvendo o mundo da moda.

Eu poderia descrever o filme de forma muito simples: é um filme que ensina como o trabalho realmente SACRIFICA a pessoa.

Brincadeiras a parte. É um filme divertido de ser visto, ainda mais para ver as trapalhadas de Andrea (Anne Hathaway) para administrar o seu relacionamento amoroso com o relacionamento sadomasoquista que é o seu trabalho, sob o comando de Miranda Priestly (Meryl Streep), sua chefe na RunAway.

Apesar de ser um filme que a maioria dos homens diria ser para mulherzinha de cunho centrado na moda, é um filme que tem uma mensagem subscrita.
A mensagem que o filme nos deixa é: seja você mesmo.

Algumas pessoas vão olhar o que eu acabei de escrever e vão me perguntar: COMO ASSIM??

É muito simples.

Mensagem abaixo contêm spoiler sobre o filme

[Rom pensando]
Tudo bem que é um filme sobre moda, mas não custa nada avisar



Em um dado momento do filme, a protagonista do filme (Andy) se revolta e abandona a chefe bem no seio de Paris. Ao retornar aos EUA, a própria Miranda, indica a sua ex-assistente de uma forma muito divertida.

Assista ao filme.
É sobre moda? Sim.
É filme de mulherzinha? Sim.
Mas é um filme divertido.

..

Outras Aleatoriedades

OGlobo.com

Reforma ortográfica: faça sua parte, adote um 'Trema'
clique aqui para visualizar

Brasileira leva prêmio de 'bumbum' mais bonito do mundo.
clique aqui para visualizar

Exposições

Rio de Janeiro - Agenda da Semana
clique aqui para visualizar

São Paulo - Agenda da Semana
clique aqui para visualizar

12 de nov de 2008

Pirilampeado pelos cinemas.

Cinema

O mês de novembro teve seu inicio em grande estilo, lançando aos cinemas brasileiros o agente secreto mais galinha, piranho, canalha, canastrão, safado, mulherengo charmoso de todos os tempos. E seu nome é “Bond, James Bond”.
Daniel Crag em sua segunda atuação como o agente secreto (primeiramente no filme Cassino Royale) dá um show de interpretação e grosseria, com um terno Armani.

O filme estreou nas Terras Tupiniquins no dia 07.11.2008, ultima sexta-feira.

Ainda não tive a oportunidade de ver o novo filme, mas isso vai ser resolvido em breve.

Bem, mas vamos realmente o que realmente interessa.

Estive caçando pela rede mundial de entretenimento e encontrei uns 4 filmes que estão previsto para lançamento para o mês de novembro que me interessou e que provavelmente vai me levar as salas de cinema da cidade, se a faculdade me permitir.

Abaixo segue uma breve sinopse dos mesmos.



MAX PAYNE
Sinopse: Max Payne é um policial de Nova York que tem sua mulher e seu filho mortos devido ao uso de uma nova droga chamada de Valkyr. Sem nada a perder, ele parte em busca de vingança pelo sub-mundo do crime e da máfia de NY, passando por experiências de alteração da sua consciência e revelações surpreendentes, é injustamente acusado de um homicídio, passando a ser perseguido pela polícia, pela máfia e uma corporação.
Data Prevista: 21/11/2008
Elenco Com: Mark Wahlberg, Mila Kunis




PASSAGEIROS
Sinopse: Após um trágico acidente aéreo, a jovem psiquiatra Claire é escolhida por seu chefe para atender dez sobreviventes. Enquanto ouve os relatos de todos e coleta informações do que pode ter acontecido Claire conhece Eric, o mais enigmático dos passageiros, e se sente atraída. Os dois se aproximam de uma forma tão intensa que essa relação vai além do campo profissional. No decorrer do tempo, os outros sobreviventes começam a desaparecer misteriosamente e Claire acredita que Eric tem as respostas para esses estranhos acontecimentos devido a visões que ele mesmo diz ter. Agora a jovem fará o que for preciso para descobrir a verdade sobre o que aconteceu e pode chegar a respostas surpreendentemente assustadoras.
Data Prevista: 21/11/2008
Elenco Com: Anne Hathaway, Patrick Wilson


CARGA EXPLOSIVA 3
Sinopse: Produzido e co-escrito por Luc Besson, o filme é dirigido pelo francês Olivier Megaton de Hitman. Na trama, Frank Martin, o alucinado motorista, e seu Audi voltam ao trabalho no serviço de transporte e dessa vez, terá a ajuda de uma transportadora.
Data Prevista: 28/11/2008
Elenco Com: Jason Statham, Robert Knepper


REDE DE MENTIRAS
Sinopse: O agente Roger Ferris precisa fazer de tudo para interromper os planos de um líder terrorista que preparou uma série de atentados. Para isso, precisa se infiltrar no perigoso Oriente Médio, passando por Iraque, Jordânia e Dubai. Seu único aliado é o veterano da CIA Ed Hoffman, que passa as ordens para Ferris através do seu laptop e celular, sentado na sala de estar de sua casa, bem longe do fogo. Mas, neste mundo de espionagem, não se pode confiar em ninguém.
Data Prevista: 28/11/2008
Elenco Com: Leonardo DiCaprio, Russell Crowe

11 de nov de 2008

A ficção imita a vida..

Ciência

Ou será o contrario?

Cientistas descobrem a cura para um mal incurável e com isso uma nova esperança surge para as pessoas que sofrem desse mal. Essa cura é disseminada para a população como uma forma de prevenir e auxiliar a pessoas com o risco de sofrerem desse mal.

[Romulo coça a cabeça enquanto pensa]
Eu já vi isso em algum lugar!

Algumas pessoas vão dizer que estou me referindo a sinopse do filme "Eu Sou a Lenda" estrelado por Will Smith.
Ou fazendo referencia ao filme que gerou o plágio remake mencionado acima, "A Ultima Esperança da Terra" de 1971.

Mas o que estou falando é sobre a nova descoberta da ciencia.

Leia a materia abaixo:

..


Cientistas criam 'celulas-assassinas' para combater HIV
Versão criada em laboratório pode neutralizar capacidade de mutação rápida do vírus

- Cientistas da Grã-Bretanha e dos Estados Unidos afirmam ter conseguido criar células em laboratório capazes de neutralizar um dos mais bem sucedidos mecanismos de defesa do vírus HIV - sua capacidade de mutação rápida.

De acordo com estudo divulgado na revista Nature Medicine, as células do sistema imunológico podem se prender ao HIV, causador da Aids, mesmo depois de ele sofrer uma mutação para tentar "despistá-las".

Espera-se que o estudo possa levar a uma forma mais eficaz de combater a infecção do vírus HIV.

A maioria dos tipos de vírus pode ser combatida pelas próprias defesas do organismo, em parte graças às "células-T assassinas", que aprendem a reconhecer o intruso e a eliminá-lo.

Mas o poder do HIV se deve à sua habilidade de sofrer mutações rapidamente para fugir da detecção e da destruição.

Versões extras

O projeto em andamento nas Universidades de Cardiff, no País de Gales, e da Pensilvânia, nos Estados Unidos, em parceria com uma companhia de biotecnologia sediada em Oxford, na Inglaterra, envolve a criação de um aglomerado de células com a habilidade de reconhecer e atacar mais destas formas que sofreram mutação.

Para isso, os cientistas "implantaram" versões extras do "receptor de células T" (parte da célula responsável por identificar e remover células infectadas) que foram programadas para identificar várias mutações do HIV.

"Quando o organismo fica infectado com HIV, o sistema imunológico não sabe o que o vírus vai fazer - mas nós sabemos", disse Andrew Sewell, imunologista da Universidade de Cardiff, que liderou o estudo.

"Diante das células assassinas que criamos, o vírus vai morrer ou ser forçado a mudar seu disfarce de novo, enfraquecendo-se no caminho."

"Nós preferimos a primeira opção, mas eu suponho que veremos a segunda", acrescentou Sewell. "Mesmo que apenas tornemos o vírus mais fraco, isso ainda será um bom resultado, porque ele provavelmente vai se tornar um alvo mais lento e fácil de ser alcançado."

"Forçar o vírus a um estado mais debilitado provavelmente diminuiria sua capacidade de se propagar entre a população e pode ajudar a tornar mais lento ou até impedir o desenvolvimento da Aids em indivíduos."

Ade Fakoyak, da organização International HIV/AIDS Alliance, diz que a pesquisa representa um "sistema de detecção aprimorado", mas alertou que pode não ser uma estratégia adequada para todos os portadores do HIV.

"Uma limitação do estudo é que as células assassinas são criadas usando uma parte específica do receptor de células ativas, mas o desenho genético desses receptores varia de acordo com diferentes populações raciais", afirma Fakoyak.

..

[Rom pega a espingarda e a sub-metralhadora e começa a carregar!]

Algo me diz que a chapa vai esquentar!!

10 de nov de 2008

Política Democrática mesmo.

Política Mundial

Depois da vitoria do caraleo fenomenal de Barack Obama, o Superman dos EUA, uma nova demonstração da Democracia: A eleição do primeiro prefeito TRAVESTI do estado de Oregon.

Quem disse que a justiça eleitoral não pode ser feita?
Veja a reportagem logo abaixo.
...

Cidade americana elege travesti como prefeito(a)

A democracia não é perfeita, mas certamente, pelo menos na teoria, é uma festa para todos. Bom exemplo nos dá a cidadezinha de Silverton, no estado americano do Oregon. A vitória histórica de Barack Obama, o primeiro negro a chegar à Casa Branca, não foi o único capítulo dos ventos de liberalismo que varrem a política na terra do Tio Sam. Em Silverton, a prefeitura será comandada por um travesti. É a primeira vez que isso acontece no país.

Stu Rasmussen, de 60 anos, tem sido uma figura-chave da política de Silverton há 20 anos. Mas nunca como hoje! Antes das últimas eleições, Rasmussen não trocou de partido, trocou de vida: implantes de silicone, armários entupidos de vestidos (e saias de couro, que ele adora) e sapatos de salto alto.

Embora use vestidos que parecem com os que Sarah Palin, a pitbull de batom republicana, costuma exibir, Rasmussen sempre se pronuncia com voz masculina.

Quer a explicação? Apesar de travesti, Rasmussen se diz heterossexual!

O futuro prefeito é casado com Victoria Sage há quase 35 anos.

Nas ruas, os moradores de Silverton dizem: "Parabéns, senhor prefeito!"

9 de nov de 2008

Uma nova vida, um novo lugar

Aleatoriedades

Bem.. acá estamos para mudar um pouco a situação. Estou mudando para cá para ver se consigo fazer o meu blogger deslanchar um pouco.

Vamos ver o que vai dar.

espero que não dê em inquerito!!